6 Dicas para Emagrecer usando Termogênicos Naturais

Imprimir este artigo

Inúmeras castanhas, uma imensa variedade de pimentas. Muitos tipos de chás (de hibisco, matchá, chá branco, chá verde ou mesmo chá vermelho) e bastante água gelada. Abacate, abacaxi, limão, gengibre ou wasabi. Guaraná, vinagre de maçã, lentilha e outros cereais. Carne de atum, alho e canela.

A lista é enorme e certamente não está completa. Você, com certeza, já ouviu falar da nova moda entre os alimentos que emagrecem: os alimentos termogênicos. Elaboramos aqui algumas dicas a respeito do seu uso para o emagrecimento e também fizemos algumas recomendações para você aproveitá-los de forma responsável e saudável.

O que é um alimento termogênico?

O termo “termogênico” foi emprestado da química, na verdade os alimentos não são exatamente, mas possuem características termogênicas. Basicamente, o que faz com que um alimento tenha tal característica é o fato de alterar a temperatura corpórea durante seu processo digestivo. Tais alimentos são muito diferentes entre si, mas a característica comum é a de induzir o corpo a produzir um gasto energético extra a fim de normalizar as suas condições de temperatura. Em tese, o que se promete é aumentar o rendimento do sistema cardiovascular.

Quais são os benefícios dos termogênico?

Resumidamente, um alimento termogênico induz ao corpo a ter uma perda calórica maior ao realizar sua digestão e também pode acelerar o metabolismo, o que significa realizar a queima dos alimentos de forma mais rápida.

Tome alguns cuidados

Antes de consumir qualquer tipo de alimento, saiba que tudo consumido em excesso pode ser danoso ao organismo. Até mesmo a ingestão excessiva de água pode sobrecarregar os rins.

Lembre-se, antes de qualquer coisa, de que não existe e nunca existirá alimento milagroso. Nada que você ingerir vai “queimar sua gordura localizada”. A gordura localizada só será eliminada, ao se reduzir a gordura do corpo inteiro, por meio da associação de exercícios adequados para cada região à alimentação correta.

Consulte sempre um especialista

Antes de iniciar qualquer tipo de alteração em sua alimentação, especialmente no caso de alimentos que podem “acelerar” seu metabolismo, é interessante saber em quais condições de saúde você se encontra.

Muitos alimentos termogênicos ­– como o guaraná, o chá verde e o café ­– possuem cafeína, e o uso dessa substância pode ser perigoso para algumas pessoas, pois pode aumentar os batimentos cardíacos e a pressão arterial. Alimentos com cafeína também podem ocasionar agitação, confusão mental e insônia.

Existem outros alimentos que, por terem seu PH ácido, consumidos em excesso podem desencadear problemas gástricos, alterações de pele, entre outros efeitos. Pessoas com diabetes, já possuem alterações metabólicas e devem tomar cuidado, bem como outros portadores de distúrbios hormonais.

Saiba seu peso, atualize seus exames. Tenha consciência de seu peso ideal, das suas limitações e do seu estado de saúde para se beneficiar dos alimentos de forma saudável e sem nenhuma surpresa desagradável.

Tempere a sua comida

A forma mais fácil e inteligente de se utilizar os alimentos termogênicos sempre será a de inserir de forma indolor e imperceptível. Se você ainda não está familiarizado com este tipo de alimento, uma dica interessante e muito válida é a de incorporar paulatinamente seu uso nos alimentos que você já consome de forma regular.

Ou seja, tente se divertir com os temperos na hora de colocar a comida na panela e em seu prato. Um pouco a mais de pimenta, uma pitada de canela a mais, um limão adicionado no cozimento ou na finalização podem ser a forma ideal de acostumar seu paladar a novos sabores.

Pesquise

Se você já aprecia esse tipo de alimento ou quer saber mais, talvez seja hora de aprender e pesquisar um pouco mais sobre as suas possíveis utilizações. Não se contente com informações superficiais. Procure blogs e páginas relacionadas ao assunto.

Há uma variedade enorme de espécies de pimentas e outras especiarias termogênicas, bem como de vegetais que possuem uma série de benefícios que perpassam as características termogênicas. Há uma série de opções no mercado que muitas vezes não conhecemos.

Existe uma infinidade de receitas que certamente vão lhe agradar!